3 dias em Viena!

14 Nov 2019

A capital da Áustria é um destino muito procurado, tanto pela sua posição estratégica para uma viagem pelo Leste Europeu, como por toda sua relevância cultural, representação da Europa que muitos sonham em conhecer.

Por isso, vamos escrever este post com sugestões do que fazer em 3 dias em Viena, com a certeza de que será muito útil aos viajantes!

 

Dia 1

 

Centro Histórico:

 

Praça e Catedral de Santo Estevão

 

Começamos o dia na Stephanplatz, praça que é o coração do centro histórico de Viena. Nela, a catedral medieval de Santo Estevão, símbolo da cidade, é visita obrigatória.

A entrada na nave principal é gratuita. Para acessar as torres e catacumbas é cobrado ingresso separado. Recomendamos a torre norte, que tem acesso por elevador e estava custando 6 euros. O espetacular telhado da catedral e as vistas de toda cidade valem muito a pena!

 

Mais informações:

http://www.stephanskirche.at/visit.php

 

 

Rua Graben

 

Saindo da catedral, você pode passear pela Rua Graben, uma das ruas de compra mais famosas do centro de Viena, com lojas de grife, daquelas que pelo menos vale espiar a vitrine!

 

 

Hofburg

 

A uma curta caminhada da rua Graben está o Palácio Imperial de Hofburg, que na verdade é um complexo de palácios barrocos.

 

Hoje sede do governo da Áustria, onde fica o gabinete do presidente, também abriga a Biblioteca Nacional, o Congresso e museus. A informações para visitar os museus estão em:

https://www.hofburg-wien.at/en/unsere-preise-fuehrungen/preise/

 

Nós não visitamos, por achar que seria similar ao que veríamos no palácio de Schönbrunn. Ficamos só admirando a arquitetura externa e a movimentação dos turistas e das charretes.

 

Volksgarten

 

Ao lado do Palácio de Hofburg há um enorme jardim, o Volksgarten, ou Jardim do Povo.  A entrada é gratuita e é um passeio muito agradável, tudo lindo e bem cuidado!

 

Rathaus

 

Rathaus é a prefeitura de Viena, um edifício muito bonito em estilo neo-gótico, com as janelas floridas!

É um ponto de encontro na cidade. Quando estávamos lá estava acontecendo uma feira cultural com comidas típicas na frente. Também há um parque agradável para descansar na sombra após toda essa caminhada pelo centro histórico!

 

 

Maria Theresian Platz

 

Saindo da prefeitura em direção à praça Maria Teresa você irá passar pelo imponente Parlamento e verá vários outros edifícios históricos, como o Museu de História Nacional e o Museu de Belas artes, que rodeiam a praça.

 

 

Monumento a Mozart no Burggarten

 

Viajar para a Áustria e não entrar no mundo de Mozart é impossível, então uma passadinha no Burggarten para observar o monumento ao compositor é parada certa para um selfie.

 

Café Sacher

 

Já é hora de uma parada para o café! Que tal experimentar a famosa e original torta Sacher?

 

O Café Sacher fica no Hotel Sacher, próximo à Ópera. (Obs: a pronúncia de Sacher não é com som de “ch”, mas de “r”: “Sarrer”).

Sempre tem fila, mas anda rápido, no nosso caso levou menos de 10 min. Vejam na foto que há 2 filas, tanto faz, são apenas para salões diferentes, mas todos são bonitos.

É caro: este pedaço custou 7,50 euros. Era muito bom! O lugar é muito bonito e aconchegante. Se vale a pena? Você está em Viena, vai economizar em um café?

 

Para facilitar, aí está a rota prontinha do trajeto pelo centro histórico de Viena no Google Maps:

 

Rota Viena – Centro Histórico: https://goo.gl/maps/fDC8ZfBCWiJVeKvU6

 

Mas o primeiro dia em Viena ainda não acabou, o melhor ainda está por vir!! Para fechar com chave de ouro, que tal assistir a um espetáculo na Ópera de Viena?

 

Vienna State Opera

Assistimos à Orquestra de Mozart de Viena e vamos passar as dicas de como fazer para aproveitar esse super programa da Áustria sem cair numa furada...

 

Aí vão as dicas:

 

1. Consultar a programação e comprar os ingressos através do site viennaconcerts.com. Este site é oficial e enviam a confirmação por e-mail. Tomar cuidado com os cambistas vendendo ingressos pelas ruas de Viena.

 

2. Se você faz questão de ver um espetáculo na Ópera de Viena, tem que ser na Staatsoper, na rua Opernring nº2. Também são realizados os mesmos eventos em outros edifícios como o Musikverein Golden Hall, por exemplo, que é próximo, mas não é a Ópera. Então fique de olho na hora de comprar o ingresso.

 

3. Retirar o ingresso no dia do espetáculo. Levar o e-mail impresso para trocar pelo ingresso real. A entrada no salão fica liberada 30 min antes do início do evento. Porém, quanto antes chegar melhor, pois os assentos são distribuídos conforme a ordem de chegada, só é possível reservar a categoria do local, mas não o assento exato. Então, se você reservou os ingressos mais baratos nos camarotes laterais, é bom chegar cedo para não ficar com lugar na fila de trás onde não se enxerga quase nada (veja a foto a seguir). Isso vale mais para orquestras, nas óperas muitas vezes estes ingressos atrás nem são vendidos. Recomendamos chegar pelo menos 1 hora antes.

4. O traje adequado depende do que está especificado no ingresso, mas, geralmente, estas orquestras são bem turísticas e tem de tudo, desde tênis até vestido longo. Só não pode ir de bermuda, por exemplo.

 

 

Se você tiver apenas 1 dia para passar em Viena, recomendamos este roteiro do dia 1, que é bem otimizado, mas claro que 1 dia na cidade é pouco...Viena é enorme e tem muita coisa bacana. Então vamos para o segundo dia!

 

 

Dia 2

 

Palácio Schönbrunn

 

Este é o “Palácio de Versalhes” da Áustria, residência de verão da família imperial austríaca. As preciosidades do palácio e os imensos jardins valem a visita.

Há vários tipos de visita. A mais básica é a “Imperial Tour”, que dura cerca de 40 minutos pelo palácio e estava custando 16 euros. É possível combinar o ticket com outras atrações, como pode ser visto em:

https://www.schoenbrunn.at/en/our-tickets-and-prices/all-tickets-prices/

 

Costuma haver bastante fila para visitar o palácio, então, é melhor comprar o ticket com antecedência pelo site. Nós arriscamos e compramos na hora, não precisamos esperar quase nada, só uns 10 minutos...e era início de setembro, demos sorte!

 

Para acessar a área atrás do palácio, onde estão os jardins, não é necessário ticket.

 

Pela extensão de todo o complexo, se prepare para caminhar bastante. Ou então, pode economizar as pernas e fazer um passeio diferente, pagando para andar de charrete!

 

Nós fizemos a Imperial Tour e depois visitamos o zoológico, que tinha 2 pandas!! É um dos zoológicos mais legais da Europa sem dúvida, vale a pena conhecer, se estiver com crianças vale mais ainda!

Dá para passar o dia visitando Schönbrunn. Há restaurantes e cafés lá dentro.

 

 

Mariahilfer Strass

 

Se ainda tiver pique, uma sugestão é um passeio para fazer compras pela Mariahilfer Strasse, a maior rua de comércio de Viena, com preços bem mais acessíveis do que nas lojas do centro histórico.

A rua é grande, começando próxima do Schönbrunn, sendo este um trecho mais arborizado. As lojas estão mais localizadas entre a estação Westbahnhof e a Museumsquartier.

 

 

Dia 3

 

Belvedere

 

Depois do Schönbrunn, outro palácio muito visitado em Viena é o Belvedere, que também conta com lindos jardins.

Dividido em Alto Belvedere e Baixo Belvedere, hoje abriga museus de arte. Vale a pena conhecer mais pelo exterior, passear e fotografar nos jardins.

 

 

Naschmarkt

 

A próxima parada é o Naschmarkt, o mercado mais tradicional e conhecido de Viena. Saindo do Belvedere, é possível ir a pé, levando cerca de 20 minutos, e no caminho você pode apreciar a Catedral Karlskirche.

Além de ver a diversidade de produtos frescos e locais, é uma boa pedida almoçar por ali, onde há vários restaurantes de culinárias de diversas partes do mundo.

 

Atenção: no domingo o mercado é fechado!

 

Para os amantes de vinho, do ladinho do mercado, há uma grande loja e winebar, a WEIN & CO Wien, onde é possível pedir os vinhos em taça e tábuas de frios e ficar vendo o movimento de Viena pela janela.

 

 

Prater

 

Para passar a última tarde deste roteiro de 3 dias em Viena, a sugestão é o parque Prater!

 

Saindo da Karlsplatz, chega-se à estação de metrô Praterstern com a linha 1 do metrô.

 

O parque existe desde 1766! Há diversão para crianças e adultos: vários brinquedos de parques de diversão, incluindo 2 rodas gigantes e a Prater Turm para os que querem mais emoção. Há também um museu de cera Madame Tussauds.

 

Que tal um jantar romântico na tradicional roda gigante? Sim, é possível desde dar apenas uma volta para admirar Viena 360 graus, até fazer refeições. Os tickets combinados com outras atrações da cidade valem a pena, como com o zoológico de Schönbrunn, por exemplo.

https://www.wienerriesenrad.com/en/giant-ferris-wheel/prices-2019

 

O Prater é um dos pontos mais legais para admirar o pôr-do-sol em Viena, portanto, vale a visita, mesmo se não quiser aproveitar nenhum brinquedo. O acesso ao parque é gratuito, as atrações são pagas à parte.

 

E se estiver procurando por um joelho de porco, salsichas, chucrute e chopp, há um restaurante muito bom de comida típica austríaca dentro do parque, chamado Schweizerhaus.

 

Mais informações sobre o parque Prater em:

https://www.praterwien.com/en/home/

 

 

Assim fechamos nossos 3 dias em Viena aproveitando de tudo um pouco do que esta linda cidade oferece, desde parque de diversões até ópera. Certamente fica a sensação de querer ficar mais na cidade, que é muito organizada, limpa, com muita oferta de cafés e restaurantes e programações culturais diversas.

 

Se você estiver procurando por um roteiro personalizado, detalhado, com instruções de transporte, hospedagem, compra de ingressos e tudo mais, entre em contato! Será um prazer organizar sua viagem!

Compartilhar no Facebook
Please reload

Posts Em Destaque

3 dias em Viena!

14 Nov 2019

1/3
Please reload

Posts Recentes